• NO AR:
  • Hiperativa É Mais
  • Eder

Notícias

Projeto de lei que dá destaque nacional aos golfinhos pescadores de Laguna é aprovado pela Câmara do

28 10:21:22/08/2015

Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados aprovou nesta semana um projeto de lei que confere a Laguna o título de Capital Nacional dos Golfinhos Pescadores, devido à parceria entre os bichinhos e os pescadores na região do Canal da Barra, nos Molhes. De autoria do deputado Esperidião Amin, o projeto dá destaque nacional ao fenômeno que acontece no município do Sul do Estado.

No projeto, o deputado resgatou a lei municipal nº 521, de 1997), que reconhece os botos como patrimônio de Laguna. O próximo passo é conseguir a aprovação da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados.

Além de divulgar Laguna como lar dos golfinhos pescadores, a proposta é chamar a atenção para a necessidade de conservar os ecossistemas da região.

Relação de 150 anos, a pesca cooperativa, como é chamada a interação entre o boto-da-tainha e pescadores na Lagoa de Santo Antônio dos Anjos, é única no mundo por envolver a tradição da pesca da tainha. Existem exemplos parecidos na Mauritânia, na África, e também em Mianmar, na Ásia, mas nenhuma delas se compara à de Santa Catarina por se tratar de peixes e botos de espécies diferentes.

Em uma relação próxima com os pescadores, que beira à amizade, os botos seguem um ritual centenário capaz de tocar qualquer pessoa: em um movimento sincronizado, ainda inexplicado pela ciência, eles cercam o cardume de tainhas e emitem um sinal, um comportamento sutil, cada um a seu modo, do momento certo de o pescador lançar a tarrafa ao mar, fazendo com que capture mais peixes que o normal. 

 

Diário Catarinense 

Fotos


Outras Notícias